SEJA O SOL DE ALGUÉM – ANTES DE TUDO, O SEU!

SEJA O SOL DE ALGUÉM – ANTES DE TUDO, O SEU! Capa

O ser humano há muito busca reconhecimento. Aquele sentimento de que fazemos sentido e somos importantes para alguém, para a comunidade, para a humanidade.


Entretanto, o que se percebe é que desejamos que este reconhecimento venha de fora para dentro, ou seja, que alguém hasteie bandeiras em nossa homenagem. Que diga o quanto somos imprescindíveis em sua vida, que não podemos faltar ou nos afastar um minuto que seja. Alguém que repita incessantemente que somos o sol que ilumina os seus dias.

Mas (um segundo, ‘entretanto’), sinto lhe dizer: tudo isso é seu ego querendo idolatria.

Nem sempre o que desejamos é o mais importante – nem para nós mesmo, muito menos para os outros. E mais, nem sempre o que ambicionamos é o reflexo de como agimos. Não somos bondosos, caridosos e queremos ser reconhecidos pelo resto dos nossos dias por um único gesto de altruísmo.

Não somos fáceis de lidar, mais difíceis ainda de conviver, e ansiamos que todos adorem estar em nossa companhia.

Esperamos ouvir muitos eu te amo, ao mesmo tempo em que acreditamos que as pessoas que convivem conosco têm certeza que as amamos e que por isso não é necessário que digamos o mesmo a elas.

Queremos, desejamos, temos certeza que merecemos.

O ser humano deseja ser o sol de alguém. Porém, para que isso aconteça, precisamos primeiramente ser o nosso próprio sol.

Precisamos brilhar internamente para nós mesmos. Ter um sorriso de amor e cumplicidade para as nossas próprias atitudes. Perdoar-nos por nossos próprios erros. Perdoar profundamente os que estão à nossa volta e que erraram para conosco.

Ser o nosso próprio sol significa que estaremos completos e reconhecidos pela pessoa que mais deve importar – nós mesmos. Cada um de nós individualmente, em relação a si próprio.

Sem vaidade, sem falsos agradecimentos, sem homenagens por aquilo não tenhamos feito por merecer verdadeiramente.

E, com o nosso sol brilhando dentro de quem mais importa em nossa vida, começaremos a brilhar para fora. Algumas vezes timidamente, como depois de dias de chuva, quando o sol aparece sem jeito por entre as nuvens. E então, num crescente de luminosidade amplia a luz, a presença, mesmo sem percebermos.

No final, quando nos dermos conta, estaremos fulgurantes, plenos como sol de verão ao meio dia, brilhando sem distinção sobre todos. E, as pessoas em volta, continuarão os seus dias, suas rotinas. Algumas buscarão o filtro solar. Outras reclamarão porque têm que trabalhar em um dia lindo, enquanto outras deitadas no parque aproveitarão o momento. Mas, em pensamento, todos saberão da sua existência e em prece ou em pensamento lembrarão e agradecerão a sua existência. Sem faixas, sem hinos, sem bandeiras, sem eu te amo, mas completa e inexplicavelmente com toda força do coração.

 

Fonte: https://osegredo.com.br/2016/08/seja-o-sol-de-alguem-antes-de-tudo-o-seu/





Comentários

Buscando: aaaaa 15 resultados

Ver todos os resultados
X

Entre com sua Conta

ou

Cadastre-se agora!

Cadastre-se

ou

Já tenho conta!

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail, nós iremos enviar um código de verificação de modo que você possa recuperar sua conta.

Entrar na minha conta